segunda-feira, 23 de junho de 2014

VASO DE CIMENTO - EU FIZ!





Fiz de dois jeitos...aproveitando  o que tinha em casa.
Para a massa do roxo usei :
4 baldes de areia grossa , peneirei.
1 de cimento 
um pouco de cal hidratada - o ultimo  pedreiro que trabalhou aqui pediu para comprar , dizem que é para dar liga...
água
Misturei tudo no carrinho de mão. Untei bem a bacia e o balde por fora e coloquei  massa de cimento primeiro na bacia para formar o fundo, depois coloquei o balde e um peso em cima e fui colocando massa ao redor do balde. O meu balde não é totalmente redondo, notem que as bordas do meu vaso não ficaram certinhas, os defeitos que minha bacia tem , vai aparecer tudo no vaso de cimento he he he .


untando minha fôrma com óleo, usei óleo usado...


        bacia com o fundo com a massa de cimento. Ela é larga, mas não tem muita profundidade , o balde parece raso, mas é que o fundo tá preenchido.


bacia cheia e o balde com o peso dentro, este modelo de balde não é o ideal, além de meio oval é mole, mas fiz assim mesmo!


 Deixei secando de um dia para o outro...coloquei o dedo e apertei, cedeu um pouco,  mas não afundou, retirei o balde, a bacia com muito cuidado. Depois peguei uma chave de fenda e fui fazendo os orifícios , 4, para drenar a água, faz o furinho rodando a chave e não enfiando de uma vez, depois peguei um objeto mais largo e fui rodando até fazer os furos, esfarela um pouco, mas depois de seco fica duro igual pedra!
 Ao retirar a bacia , machucou um lado das bordas, mas não prejudicou a estrutura, é pesado!
Deixei em cima da mesa sem a bacia e de cabeça para baixo por 3 dias, até secar. Depois deste tempo coloquei o vaso dentro da bacia de aluminio e enchi de água e deixei por mais 3 dias, aprendi assim nas pesquisas pela net.


Notem os defeitos, os velhos amassados na bacia/ tacho bem velhinha que era da minha sogra há mais de 30 anos.
Para a pintura, não usei primer, passei uma demão de tinta acrílica de parde branca, a que eu tinha em casa, depois 3 demãos de esmalte base de água suvinil zero odor . A cor eu consegui misturando tinta branca com corante xadrez azul, amarelo, para fazer um verde , depois coloquei vermelho, até fechar o tom .


 As mudinhas de kalanchoe comprei por 2,29 cada, plantei de verdade no vaso, coloquei cacos de telha no fundo um pouco de terra, depois coloquei as plantinhas com a terra e terminei de completar com mais terra. A principio eu queria no carrinho de mão era as marias sem vergonhas, mas minhas mudinhas não vingaram, então coloquei os clorofitos e os onze horas , mas pretendo fazer outro vaso, gêmeo deste com as marias sem vergonhas.





 Este , na verdade foi o primeiro vaso de cimento que fiz...e foi assim:
Usei argamassa  de assentar cerâmica, 1 balde pequeno,  um pouco de cal hidratada e  cimento puro (um pote de sorvete , os dois misturados) e água ,como não tinha areia a massa ficou lisinha e um pouco mais firme.

 Usei como molde esta saladeira de plástico e um balde pequeno de dez litros. Os demais passos fiz do mesmo jeito.
                                       Aqui o vaso de molho no tanque por 3 dias. Desenformei depois de um dia , deixei secar e depois foi para o molho.




                                 Aqui o vaso sem pintura e com um vaso de plastico dentro.



 aqui o vaso já pintado, neste usei o primer , depois a tinta, coloquei estas plantinhas artificiais apenas para tirar a foto. Aproveitando o ensejo com a tinta amarela  pintei também este suporte de botijão que agora é do meu comigo ninguém- pode, os vasinhos e uma floreira.





aqui meu  vaso de cimento amarelo perto da meu portão de cerca feito com palletes .  Tudo meu he he he


Um comentário:

  1. Hola Ionice me gustaron mucho esos vasos . lindo colorido amiga querida!!

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita!

 

Meus Trabalhos Manuais Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos